terça-feira, 9 de agosto de 2011

Humm


Um dia um olhar,
aconteceu no acaso do destino.
E falou mais que um desatino
e me fez amar.

E num delírio eu a sonhar
esperança... ilusão de encontrar
o amor sem esperar...
porém, sem mais, tive que deixar.

Hoje levo o gostinho
do  pouco do carinho,
que encontrei em você.

Uma saudade talvez,
te recordar mais uma vez...
Humm... te desejar e de novo te ter.



4 comentários:

  1. Um poema onde esperança de amar está viva.Beijos

    ResponderExcluir
  2. Em lindos versos traduziu um início e um caminho para o coração. Saudade??? Só até o próximo olhar, certamente.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Menina linda !como vc está?
    Já chegou no seu cantinho...espero que sim.
    Hum !um poema com sabor de saudade,rsrsrsrs
    Bjsssssssssssssss

    ResponderExcluir
  4. Minha linda amiga!
    Hj estou te convidando a passar lá no meu cantinho só para dizer que tipo de amiga sou para vc,rsrsrsrsr
    Bjsssssssssssssssssssss

    ResponderExcluir