terça-feira, 26 de agosto de 2014

Agosto


Onde anda a minha amiga poesia?
Que por tantas vezes foi consolo, e com ela eu sorria!
Dias que vão passando rapidamente, sem o encanto do canto dos pássaros, sem relva nas plantas, sem as cores do verão. 
É agosto, tudo meio cinza, assim como meu coração sem paixão.
Quando o coração fica assim, em meio à melancolia, dá uma vontade de fugir, como se o problema estivesse no lugar onde me encontro.
Deve haver algum lugar onde o sol brilha mais forte, com mais vontade, 
despertando assim toda vontade de viver.
Deve haver um lugar onde flua mais poesia, onde há encantamento e alegria.
Deve haver um lugar onde haja companhia.
Deve haver um lugar onde não precisa-se conviver com a nostalgia.
Ah! Deve haver um lugar assim.
Ou que venha o próximo mês, setembro para colorir!

3 comentários:

  1. Acho que se procurarmos bem no fundinho da nossa alma vamos encontrar esse lugar...mesmo sem esperar sem setembro :) ...gostei muito!
    Bjs
    Maria

    ResponderExcluir
  2. Mais um final de semana.
    Nesse postei um pouco de mim
    para você começar a me entender .
    E quem sabe você também a partir
    de hoje me veja com mais amor.
    Uma vez por semana minha postagem
    vai falar sobre mim.
    È necessário falar um pouco de mim,
    e acima de tudo acreditar na presença de
    Deus na sua vida,
    quando os caminhos se confundem é necessário voltar,
    começar a vida tudo de novo independente da nossa idade.
    Que , Deus te cubra de benção
    principalmente de onde tudo parou.
    Um abençoado final de semana.
    Aceite o carinho que hoje te dou
    beijos na sua alma linda.
    E muita paz no seu coração ,
    Evanir..

    ResponderExcluir
  3. Agosto traz nostalgia e ela vem lá de dentro. A primavera que se aproxima há de colorir o fora e o dentro. Bjs.

    ResponderExcluir