sexta-feira, 6 de julho de 2012

Soneto de amor ao meu Deus


Senhor Deus, diante do esplendor de Teu amor,
minha face busca Teu olhar.
clama por Ti ó Pai eterno;
Outro igual a Ti não há.

Tu respondes e vejo a face do Teu perfeito amor.
Em verdes campos, Maravilha!
Estampado em cuidado, proteção de grande valor.
Se vacilo, mesmo assim me amas e me quer como filha.

Quero oh Pai querido,
aprender dia-a-dia, cada vez mais,
a confiar, mais confiar, esperar e mais te amar.

Quero me sentir sempre em Teu olhar;
E grata,  sempre confiante caminhar.
E nunca de Ti me afastar.

Um comentário:

  1. Um soneto repleto de fé, de esperança e amor a Deus.Parabéns.

    ResponderExcluir